sexta-feira, julho 23, 2021

Mostra 14 de Dança é traduzida por audiodescrição e intérpretes de Libras

Leia também

Estoques de oxigênio estão em nível crítico em municípios paulistas

Levantamento de secretários municipais aponta para falta de cilindros de oxigênio e concentradores usados para aumentar a quantidade de oxigênio oferecida aos pacientes.

Planejamento e estratégias são temas de programa online do IEL -PE

Direcionar o seu negócio pelo caminho da eficiência e do sucesso. Esse é o objetivo principal do programa 'Planejamento...

“Meu rio é silêncio”: novo single da cantora petrolinense Dayanne Menezes reflete sobre as angústias humana e os mistérios do rio

Refletir, de maneira poética e sensível, sobre os mistérios do rio e as angústias humanas. É com esse intuito...

A 7ª edição da ‘Mostra 14 de Dança’ começou hoje (11), em Petrolina, no interior de Pernambuco, e vem com uma proposta de experimentação e divulgação da dança contemporânea no Vale do São Francisco. O evento, que conta com espetáculos, oficinas e performances, também traz intérpretes de linguagem de sinais e recursos de audiodescrição.

A companhia de dança ‘Qualquer Um dos 2’ é a organizadora da mostra, que terá atividades realizadas em três ambientes: no SESC; no espaço cultural Janela 353, no centro; e na Ilha do Massangano. De acordo com a Cia, estão sendo disponibilizados 20 aparelhos de audiodescrição por apresentação. Os interessados devem chegar com até 30 minutos de antecedência para retirar o equipamento.

Programação acessível gratuita:

13.12

19h30 – ‘Vetor’ – Coletivo Incomum de Dança e APAE Petrolina – Teatro Dona Amélia, SESC (classificação Livre – com audiodescrição);

14.12

16h – Conversa ‘Práticas de cuidado de su e dos outros’ – João José Santana Borges (Juazeiro, BA), Renata Camargo (Recife), Estela Lapponi (SP) e Thom Galiano (Petrolina) – Espaço Janela 353 (classificação Livre – com intérprete de Libras);

20h30 – ‘Cavalo (in process)’ – Qualquer Um dos 2 Companhia de Dança (Petrolina/PE)

‘We don’t have money but we are funny’ – Mariana Pimentel (Rio de Janeiro/RJ) – Teatro Dona Amélia, SESC (classificação 16 anos – com audiodescrição);

15.12

16h – Conversa ‘Corpo, coletividade e democracia em tempos de ruínas’ – Elisabet Finger (SP), Renata Pimentel (Recife), Galiana Brasil (SP) e Mariana Pimentel (RJ) – Espaço Janela 353 (classificação Livre – com intérprete de Libras);

16.12

16h – Curta ‘ProfanAÇÃO’ – Estela Lapponi (SP) – Espaço Janela 353 (classificação 12 anos – com intérprete de Libras);

Conversa ‘Corpo e diferença’ – Alexandre Américo (Natal, RN), Estela Lapponi (SP), Andreza Nóbrega (Recife) e Carol Andrade (Petrolina).

- Anuncio -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Anuncio -

Últimas notícias

Estoques de oxigênio estão em nível crítico em municípios paulistas

Levantamento de secretários municipais aponta para falta de cilindros de oxigênio e concentradores usados para aumentar a quantidade de oxigênio oferecida aos pacientes.

Planejamento e estratégias são temas de programa online do IEL -PE

Direcionar o seu negócio pelo caminho da eficiência e do sucesso. Esse é o objetivo principal do programa 'Planejamento Estratégico: elaboração e aplicação', que...

“Meu rio é silêncio”: novo single da cantora petrolinense Dayanne Menezes reflete sobre as angústias humana e os mistérios do rio

Refletir, de maneira poética e sensível, sobre os mistérios do rio e as angústias humanas. É com esse intuito que a cantora petrolinense Dayanne...

Cardi B Deletes Instagram After Social Media Backlash Over Her Historic Grammys Win

 The main thing that you have to remember on this journey is just be nice to everyone and always smile. Refreshingly, what was...

Offset Shares a Video of Cardi B Giving Birth to Baby Kulture

 The main thing that you have to remember on this journey is just be nice to everyone and always smile. Refreshingly, what was...
- Anuncio -

Continue informado

- Anuncio -