sexta-feira, maio 7, 2021

“Me irrito quando vejo um ex-jogador de futebol votar na extrema direita” diz Juninho Pernambucano

Vivendo nos Estados Unidos, o ex-jogador Juninho afirmou que não aprova o programa de Jair Bolsonaro que promete um reforço das intervenções militares

Leia também

Estoques de oxigênio estão em nível crítico em municípios paulistas

Levantamento de secretários municipais aponta para falta de cilindros de oxigênio e concentradores usados para aumentar a quantidade de oxigênio oferecida aos pacientes.

Planejamento e estratégias são temas de programa online do IEL -PE

Direcionar o seu negócio pelo caminho da eficiência e do sucesso. Esse é o objetivo principal do programa 'Planejamento...

“Meu rio é silêncio”: novo single da cantora petrolinense Dayanne Menezes reflete sobre as angústias humana e os mistérios do rio

Refletir, de maneira poética e sensível, sobre os mistérios do rio e as angústias humanas. É com esse intuito...

O ex-jogador Juninho do Olympique Lyonnais, deu um carrinho nos ex-jogadores de futebol (como Ronaldinho) que apoiam Jair Bolsonaro, candidato de extrema-direita à presidência que recebeu 46% dos votos no primeiro turno.

A exatidão de suas palavras só tem igual nos seus chutes livres. Juninho Pernambucano vive hoje em Los Angeles, longe da França e de Lyon, onde escreveu as mais belas páginas de sua história nos anos 2000. O brasileiro participou dos sete títulos da liga francesa ganhos pelo OL, entre 2002 e 2008. Ao mesmo tempo que não sente vontade de voltar ao mundo do futebol, Juninho fala sobre a atual paisagem política no Brasil e a ascensão da extrema direita.

No momento em que Jair Bolsonaro obteve 46% dos votos no primeiro turno das eleições presidenciais, “Juni” não faz concessões aos jogadores que o apóiam, especialmente através das redes sociais, como Ronaldinho, Rivaldo ou Lucas Moura. Em entrevista à mídia espanhola El Pais, traduzida para o francês pelo La Grinta, Juninho ataca a imprensa. “Eles rasgam nossos votos e nos arrastam para esse terror”, lamenta ele. “Parecem indiferentes à chegada ao poder de um extremista. Você pode observar: a grande mídia vai apoiar Bolsonaro se ele for para o segundo turno.”

O ex-meio de campo (43 anos) não aprova o programa do candidato de extrema-direita que promete um reforço das intervenções militares. “Não posso colocar um garoto de 18 anos que roubou na prisão”, diz Juninho. “Porque quando o cara sai da prisão, ele quer se vingar da sociedade. É por isso que me irrito quando vejo um ex-jogador de futebol votar pela extrema direita. Nós viemos de baixo, fomos criados no meio do povo. Como esquecer isso? Como ficar do outro lado? Você vai apoiar Bolsonaro, meu irmão?

Após o primeiro turno, os campeões mundiais Rivaldo e Cafu expressaram seu contentamento com a pontuação de Bolsonaro no Instagram. Bola de Ouro em 2005 e campeão mundial em 2002 Ronaldinho também o apoiou via Twitter. O político agradeceu, dizendo que era “uma honra”. Em setembro, o ex-jogador do PSG Lucas Moura também defendera “seu candidato”. “Se ele fosse realmente racista, estaria preso. Vejo que você o acusa gratuitamente sem argumentar”, respondera o atacante do Tottenham aos seus detratores.

Segunda rodada em 28 de outubro

Em sua entrevista, Juninho reiterou seu amor pelo futebol, afirmando ter sido o futebol que o educara e permitira que ele se abrisse ao mundo. “Sou um cidadão do mundo”, diz ele. “Não posso ser intolerante com as diferenças. A única exceção é com os extremistas. Mas será que alguém que acredita na existência de “raças humanas” e propaga discurso de ódio merece a democracia?” Com declarações e projetos de reformas políticas chocantes, Jair Bolsonaro construiu para si uma reputação de homem profundamente racista, sexista e homofóbico. O segundo turno das eleições presidenciais brasileiras acontecerá no dia 28 de outubro e oporá Bolsonaro a Fernando Haddad, o candidato da esquerda radical que recebeu 29% dos votos no primeiro turno.

- Anuncio -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Anuncio -

Últimas notícias

Estoques de oxigênio estão em nível crítico em municípios paulistas

Levantamento de secretários municipais aponta para falta de cilindros de oxigênio e concentradores usados para aumentar a quantidade de oxigênio oferecida aos pacientes.

Planejamento e estratégias são temas de programa online do IEL -PE

Direcionar o seu negócio pelo caminho da eficiência e do sucesso. Esse é o objetivo principal do programa 'Planejamento Estratégico: elaboração e aplicação', que...

“Meu rio é silêncio”: novo single da cantora petrolinense Dayanne Menezes reflete sobre as angústias humana e os mistérios do rio

Refletir, de maneira poética e sensível, sobre os mistérios do rio e as angústias humanas. É com esse intuito que a cantora petrolinense Dayanne...

Cardi B Deletes Instagram After Social Media Backlash Over Her Historic Grammys Win

 The main thing that you have to remember on this journey is just be nice to everyone and always smile. Refreshingly, what was...

Offset Shares a Video of Cardi B Giving Birth to Baby Kulture

 The main thing that you have to remember on this journey is just be nice to everyone and always smile. Refreshingly, what was...
- Anuncio -

Continue informado

- Anuncio -